PrimeLife (Ano V)

Viva Bem, Viva Mais, Viva com Estilo

O que é ser livre?

Meditação 32Todos nós ao longo da vida, passamos por momentos especiais onde temos a oportunidade de abrirmos os olhos para a urgência de acordarmos e vivermos na plenitude o significado de sermos livres.

Muito poucos, porém, conseguem fazer algo a respeito disso no momento em que se deparam com questões dessa natureza.

A grande maioria, por não estar acostumada a se levar a sério, inadvertidamente deixa toda essa ativação passar, esfriando por completo o princípio motivador. Como consequência, retornam às mesmices de suas vidas, que acabam levando-os de volta ao nada, a lugar nenhum.

A falta de coragem para ser livre rouba de nós mesmos as infinitas possibilidades criativas que poderíamos  ser e das quais jamais saberemos se não ousarmos.

Ser livre implica no exercício de fazer as próprias escolhas. É quando ninguém mais pode escolher por nós. Ser livre é aprender a lidar com os próprios acertos e erros sem precisar responsabilizar alguém. Isso é ser literalmente livre e muito pouca gente sabe lidar com isso.

Por outro lado, quando se conquista a liberdade, um novo desenho de vida começa a ser esboçado e um ônus é cobrado. Por mais incrível que possa parecer, a vida em movimento passa a ter um preço na medida em que se começa a ter idéias independentes do pensamento comum de onde sempre se existiu. De repente, tudo o que antes era sedutor, deixa drasticamente de ser, o véu cai e não há mais interesse, ou mesmo necessidade, de se fazer parte da manada.

Ser livre é se experimentar de modo responsável, independente do olhar crítico e julgador do outro. Quando se chega nesse ponto, não existe mais cegueira. Você acordou de vez e muitas das coisas que antes aparentemente lhe faziam sentido, agora já não importam mais. Você está seguro de si mesmo e incorruptível, pois já não há mais caminho de volta. Não mais existem prisões que possam prendê-lo (a).

Nesta etapa, existe o risco de que a pessoa que conquistou a própria liberdade possa ser vista diferente, não fazendo parte. Mas que diferença faria isso agora?

Muitas vezes a conduta dos grupos é de extirpar o diferente, o que não combina, o que não adere e, portanto, não compactua. 

Quem é livre, por onde passa, apenas pela condição de estar mais acordado, passa a ser aquele que, mesmo sem querer, denuncia o aprisionamento da maioria das pessoas, com sua simples presença, sem o véu que costuma entorpecer.

Para ser livre, é necessário trabalhar profundamente a independência em todas as áreas da vida. Se quiser estar com alguém, por exemplo, será por escolha consciente, jamais por necessidade.

Existem pessoas que nunca conseguem ficar sozinhas com elas mesmas. Na tentativa de burlar a sensação do vazio, da solidão e de um possível encontro com o interior, vivem plugados na internet, nas redes sociais ou no que seja, buscando a ilusão da aceitação e apoio do outro. Poucas são as pessoas que ousam entrar em contato com essas dificuldades, a maioria sequer concebe que pode dar conta de amadurecer neste sentido. Vivem de aparências, driblando um verdadeiro inferno interior, quando por fora fazem o jogo contente fingindo estar tudo bem. Como resultado, costumam agir de modo impulsivo e desenfreado totalmente ativados por suas angústias, sem se saberem.

Para ser livre de verdade e no sentido exato da palavra, o grande quesito é você se permitir acionar a força motriz do interior para fora. É lembrar-se de que, ao virmos para a Terra, aceitamos corrigir inúmeras facetas em nome de continuarmos com os nossos desenvolvimentos. Escolhemos isso e ninguém disse que seria uma tarefa fácil.

Acredito que grande parte de nós veio para essa aventura terrena com a proposta de acordar cada vez mais, embora não se recorde desse contrato evolutivo.

Todos nós, se quisermos, podemos ativar e honrar as nossas sagradas missões. E a principal delas é a de ser feliz. Portanto, seja gentil consigo mesmo desenvolvendo-se na sua autoconsciência que gera a liberdade e o universo lhe agradecerá.

De nada valerá a sua vida se você não souber vivê-la de modo pleno. Há muita coisa boa para se viver. Lembre-se constantemente de priorizar o seu estar bem.

Sempre.

 

10/09/2015 - Posted by | Autoconhecimento

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: