PrimeLife (Ano VI)

Viva Bem, Viva Mais, Viva com Estilo

Ajude-a a se superar

O sexo com a parceira é bom, mas poderia ser melhor. Você percebe que ela não fica confortável na maioria das relações, a iniciativa é sempre sua e aquele sexo oral que tanto curte nunca vem. Acredite: a parceira precisa de um empurrãozinho seu para se soltar e mandar ainda melhor entre quatro paredes. Para que isso aconteça naturalmente, evite fazer cobranças. “Muitos homens gostariam que as mulheres deles fossem atletas sexuais e performáticas. O que eles têm mulheres reais, comuns, despretensiosamente sensuais e com beleza singular”..

Antes de partir para a didática, tenha em mente uma lição: “Para a mulher se soltar, o homem precisa ser solto também. sem medo ou preconceitos. Ele precisa ser um galanteador com pegada safada”.

Com esta táticas, mais seu jogo de cintura, você será capaz de guiar a mulher para um olimpo sexual. Depois disso, vocês vão começar ver estrelas.

Para ela pensar no assunto: Sugira o que pode ser melhorado

A primeira tática é muito simples: converse. Pode ser ser durante um jantar, um encontro ou no dia a dia mesmo. Comente que gostaria muito que a parceira fizesse um striptease pra você, por exemplo. Na sequência, diga que tem curiosidade de saber o que ela curte também. ” A melhor maneira de se conectar à parceira é se colocar disponível, ter interesse em descobrir mais sobre ela, ter noção real da mulher que se tem ao lado”. Essa ciência você adquire reparando nas reações da mulher e em como ela se comporta quando o assunto esquenta. Quer uma dica prática? Invista em mensagens de texto eróticas no meio da tarde. A resposta dela será o seu melhor termômetro.

Para ela tomar a iniciativa: Provoque o que está adormecido

Como quem não quer nada, selecione um filme para vocês assistirem juntos. Faça a escolha certa: no meio do enredo, são necessárias algumas cenas que deem tesão;Precisa de ideias? Amor e Outras Drogas (2010), Pecados Íntimos (2006), Vicky Cristina Barcelona (2008) e até Cinquenta Tons de Cinza (2015). Durante o filme, faça carinho nela enquanto vocês estão abraçados e comente que adoraria reproduzir aquela sétima arte picante. “Uma mulher passiva pode se tornar ativa quando sentir que há necessidade de ser mais atuante”. Pode apostar que, com a sua indireta, ela vai entender que precisa arregaçar as mangas.

Para ela ter confiança: Fale e elogie durante as preliminares

Aproveite momentos íntimos para dizer que ela é maravilhosa, além de elogiar o corpo, o cheiro e a voz dela. “Fique em frente ao espelho, atrás da parceira, e aponte tudo o que gosta nela”. Explore cada detalhe: as áreas erógenas que dão tesão, os desejos e as vontades dela. Mas lembre-se que, por mais excitante que a brincadeira e a troca de elogios possa parecer, muitas mulheres não gostam, por exemplo, de dizer ou ouvir frases vulgares. Por isso, sempre respeite os limites. Forçar a barra torna tudo artificial.

Para ela retribuir as carícias: Mime e estimule a parceira

Gestos de carinho tendem a ser retribuídos. Faça uma massagem e um cafuné, dê um beijo demorado, presenteie com um sexo oral. Não tenha pressa durante as preliminares. Mais tarde, ela vai recompensá-lo. Quando isso acontecer, demonstre sua gratidão e diga o que curtiu na transa. “Essa prática deixa a mulher relaxada e desencanada. Com isso, ela age sem fazer poses”.

Para ela agradar: Indique os movimentos certeiros

A intimidade permite os pedidos calientes. “Seja direto, mas não rude. Não faça rodeios. Assim como você detesta quando a parceira não dá as dicas, ela também quer saber o que é mais prazeroso”. Dessa forma, as manobras sexuais dela vão ser certeiras. Por exemplo: você quer um sexo oral mais úmido e profundo. Em vez de empurrar a cabeça dela em direção ao seu pênis, puxe-a pela nuca em direção à sua boca e sussurre ao pé do ouvido delas as instruções. “A melhor maneira de as coisas acontecerem como imagina é compartilhando esses desejos com ela”.

Para vocês se conectarem: Reconheça os valores dela

Logo depois do orgasmo, controle-se para não cair no sono. Aproveite o tempo para, entre carícias, baterem um papo. Ressalte algo que a parceira fez e você gostou (uma posição, uma pegada, um olhar, etc). Fale que quer mais que ela é boa naquilo. Lembre-se: nenhuma mulher é capaz de ler mentes. Muito menos na hora H. Portanto, para reforçar sua satisfação, reaja aos estímulos dela. Ao mesmo tempo, perceba como a parceira age você dá sinais de que está gostando daquilo. Libere suas emoções sem medo. Isso vai ajudá-la a arriscar mais. “Se espera ter uma mulher atirada na cama, mas ela é contida (o que não sinônimo de reprimida) , você dificilmente vai conseguir compreendê-la”. Por isso, é importante perceber os momentos  em que ela se solta e aqueles em que ela se sente mais travada. Respeitar essas diferenças vai permitir que um elo de ligação se estabeleça entre o casal.

Para ela mostrar o que sabe: Seja persistente e atencioso

Não entre no piloto automático durante a transa, fazendo sempre o mesmo roteiro trivial do sexo. Mude o lugar, a hora, a pegada etc. Para melhorar aida mais, comece a enxergar a parceira como uma mulher com quem está transando pela primeira vez. Prepare um novo ambiente, tente novas carícias e escolha outras posições. É como se você estivesse descobrindo o que sua parceira gosta (de novo). Isso vai instigá-la a inovar também. “O segredo é, de vez em quando, deixar a mulher livre e solta”, Dessa forma, ela passa a ter confiança de que também pode arriscar. Uma revolução não acontece da noite para o dia. Cada nova transa é como uma nova batalha vencida. Hoje ela pode mudar a lingerie. Amanhã, o jeito que chupa você. Depois, ela se joga em uma penetração em um arranjo corporal diferente. As coisas acontecem com tempo e paciência, meu caro.

Anúncios

14/10/2015 - Posted by | Relacionamento, Sexo

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: