PrimeLife (Ano V)

Viva Bem, Viva Mais, Viva com Estilo

Exercícios recomendados em cada fase de vida da mulher

sedução corporalPraticar exercícios físicos regularmente não é apenas uma questão de estética, mas de saúde. Quem mantém uma rotina que favorece o movimento do corpo reduz o estresse, tem melhores noites de sono e maior concentração nas atividades diárias. Para as mulheres é fundamental fazer exercícios, já que elas têm um metabolismo um pouco mais baixo.

Com isso, não estamos dizendo que você deveria treinar pesado todos os dias da semana, mas sim encontrar a melhor forma e disposição para o seu perfil. Abaixo, indicamos alguns exercícios adequados para cada faixa etária feminina.

Aos 25 anos

Depois dos 25, sua capacidade aeróbica começa a reduzir, ainda que pouco (em torno de 1% ou 2%). Assim, os melhores aliados são os exercícios que estimulam o aumento da frequência cardíaca.

Corrida, natação, dança e spinning são ótimas escolhas para manter o condicionamento vascular e liberar toda a energia que o corpo carrega ao longo da semana. A frequência mínima ideal é de duas vezes por semana. Caso tenha mais disposição, exercite-se mais!

Aos 35 anos

Nessa fase de vida é a massa muscular que é impactada. Os músculos dão lugar à gordura que, por sua vez, desacelera o metabolismo. Por isso, é fundamental praticar exercícios que exijam força, como os localizados.

Inscrever-se em uma academia pode ser uma boa opção para trabalhar toda a musculatura do corpo. As lutas, como muay thai, judô ou capoeira também são alternativas, mas exigem mais cuidado com o impacto dos movimentos. Certifique-se de que a turma esteja no mesmo nível que você, para evitar acidentes, e conheça os seus limites.

Aos 45 anos

Com a queima calórica um pouco mais lenta, o ganho de peso é uma realidade na vida da maioria das mulheres dessa faixa etária. Os exercícios de força devem ser mantidos, mas também podem ser aliados a uma rotina aeróbica.

Rotina, aliás, é a palavra-chave dessa fase: manter-se dedicada às atividades físicas garantirá bons resultados. Uma semana de descanso pode comprometer grande parte do trabalho.

A ioga e o pilates são ideais nessa fase, já que tonificam sem oferecer muito risco aos músculos e não exigem tanto preparo físico. Caminhadas diárias, nem que sejam de apenas 30 minutos, contribuem bastante.

Aos 55 anos

Aqui temos uma mudança um pouco mais radical, graças a menopausa. Com as inconstâncias hormonais a estrutura óssea fica mais fraca e pode ser atingida por problemas como a osteoporose.

Para fortalecer a massa óssea, volte a praticar exercícios com um certo impacto, como pular corda. A hidroginástica ou deep running também são ótimas opções, visto que minimizam os riscos dos movimentos repetitivos com a água.

Aos 65 anos

Nessa fase, o ideal é praticar atividades que estimulem o equilíbrio entre corpo e mente, a flexibilidade e a postura. Tai chi chuan, ioga e a hidroginástica combinam essas características enquanto mantém a queima calórica em alta.

Independentemente da sua escolha, o mais importante é se manter feliz com o seu corpo e cuidadosa com a sua saúde!

por Cosmopolitan

23/10/2016 - Posted by | Bem Estar, Mulher, Saúde

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: